quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

"O cinema, meus caros, assim como qualquer outra arte, é a impressão digital da realidade. E o realizador, o artista, um criminoso que distorce essa mesma realidade em função do que pretenda mostrar-nos. Isto é, em função do que pretenda manter oculto, silencioso, como um segredo irrevelável." Henrique Fialho

http://universosdesfeitos-insonia.blogspot.com/2010/01/revendo-blackmail.html

Sem comentários: